A chegada da aposentadoria muitas vezes é encarada como uma recompensa aos empenhos depreendidos ao longo da carreira, o que possibilita a realização de planos e sonhos prolongados há muito tempo. Porém, o que muitos não sabem, é a necessidade de ficar atento aos direitos que ainda se tem após se aposentar. É o caso da retirada das Cotas do PIS/Pasep. Atualmente 10 milhões de pessoas não sacaram o beneficio, entre eles milhares de aposentados e pensionistas do INSS.

O valor médio pago é de R$ 1.750, contudo, há pessoas que recebem R$ 5 mil ou até mesmo valor superior, podendo chegar a R$ 10 mil. Para saber o seu valor exato é preciso fazer uma consulta presencialmente, por telefone ou na internet.

Qual aposentado e pensionista do INSS tem direito ao dinheiro?

  • Todos os beneficiários do INSS que tenha saldo tem direito as Cotas do PIS e podem sacar o benefício a qualquer momento.
  • No caso de aposentado ou pensionistas falecido, qualquer parente ou familiar poderá sacar o valor.

Todos os trabalhadores participantes do PIS e do PASEP que foram inscritos até 04/10/1988 e possuem quotas de participação, tem seus direitos adquiridos garantidos, e a partir de 1989 continuam a receber seus rendimentos sobre o saldo existente. Os cadastrados após essa data não possuem saldo, podendo receber apenas o abono salarial, se tiverem direito a ele.

OBS: Na hipótese de conta individual de titular já falecido, os familiares poderão solicitar o saque do saldo existente na conta do titular independentemente de inventário, sobrepartilha ou autorização judicial, desde que haja consenso entre os dependentes ou sucessores. Veja como consultar o seu saldo a receber mais abaixo, no fina da matéria.

— Cotas do PIS não são Abono Salarial:

Abono Salarial é o benefício constitucional de direito do trabalhador que esteja cadastrado há pelo menos cinco anos no PIS e atendam às condições previstas em lei, como constar na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS). O valor do Abono Salarial é de até um salário mínimo, proporcional aos meses trabalhados no ano-base. O PIS corresponde aos valores de cotas destinadas aos trabalhadores que possuíram carteira assinada no período de 1971 a 04/10/1988.

— Como o aposentado ou pensionistas consulta o valor?

Para o PIS (trabalhadores de empresas privadas): É possível fazer a consulta pelo site da Caixa Econômica Federal ou pelo telefone 0800-726-0207. O banco também oferece o aplicativo Caixa Trabalhador como opção. Atenção: é preciso informar o número do NIS. Ele pode ser encontrado no Cartão do Cidadão, na carteira de trabalho ou no extrato do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço). Também é necessário cadastrar uma senha de internet.

Quem tem a senha do Cartão do Cidadão:

  • Acesse esse site
  • Digite seu número do NIS
  • Clique no botão “Cadastrar Senha”
  • Leia o contrato de prestação de serviços e clique em “Aceito”
  • Informe a senha do Cartão do Cidadão e a senha de internet que quer cadastrar

Quem não tem a senha do Cartão do Cidadão:

    • Acesse esse site
    • Digite seu número do NIS
    • Clique em “Cadastrar Senha”
    • Leia o contrato de prestação de serviços e clique em “Aceito”
  • Preencha os dados solicitados e clique em “Confirmar”
  • Cadastre a senha desejada e clique em “Confirmar”
  • Se tiver o Cartão do Cidadão, faça o pré-cadastramento da senha pelo telefone 0800-726-0207. Para finalizar o cadastro, é preciso ir a uma lotérica
  • Se não tiver o Cartão do Cidadão, será preciso ir a uma agência da Caixa

Para o Pasep (servidores públicos)

É possível fazer a consulta pelo site do Banco do Brasil, informando o número de inscrição do Pasep ou o CPF e a data de nascimento.

— Como fazer o saque

Quem tem conta na Caixa ou no BB: Quem tem conta na Caixa ou no Banco do Brasil receberá o dinheiro automaticamente dois dias úteis antes da abertura do calendário de cada mês.

Quem não tem conta na Caixa e vai sacar a cota do PIS:

  • Até R$ 1.500: saque nos caixas eletrônicos apenas com a senha do Cartão do Cidadão ou em lotéricas e correspondentes Caixa Aqui com Cartão do Cidadão, senha e documento oficial com foto
  • Até R$ 3.000: saque nos caixas eletrônicos com o Cartão do Cidadão e a senha ou nas lotéricas e correspondentes Caixa Aqui com Cartão do Cidadão, senha e documento oficial com foto
  • Acima de R$ 3.000: nas agências da Caixa com documento oficial com foto

Quem não tem conta no Banco do Brasil e vai sacar o Pasep

  • Até R$ 2.500: será possível pedir o envio do dinheiro por meio de TED (Transferência Eletrônica Disponível) para outro banco pelo site do Banco do Brasil ou nos caixas eletrônicos do banco
  • Acima de R$ 2.500: nas agências do Banco do Brasil com documento oficial com foto.

FONTE: simoesfilhoonline 5/03/20.

Comentários