A partir desta quarta-feira (10), aniversariantes de outubro podem sacar a 2ª parcela do auxílio emergencial de R$ 600 ou transferir o dinheiro para qualquer banco. Isso vale só para quem recebeu a 1ª parcela até 30 de abril.

Todos esses beneficiários receberam depósito em poupança digital da Caixa até 26 de maio, mas o saque em espécie e a possibilidade de transferir o dinheiro estão sendo autorizados em levas diárias, conforme o mês de nascimento.

Os últimos a poder sacar ou transferir a 2ª parcela são os nascidos em dezembro, a partir de sábado (13). A pessoa não é obrigada a sacar no dia da liberação, porque o dinheiro continua disponível.

A exceção neste calendário são os beneficiários do Bolsa Família, que tiveram o saque da 2ª parcela liberado durante as últimas semanas.

Auxílio emergencial de R$ 600 – Saque da 2ª parcela
O dinheiro fica disponível para saques e transferências:
  • 30/5: nascidos em janeiro
  • 1º/6: nascidos em fevereiro
  • 2/6: nascidos em março
  • 3/6: nascidos em abril
  • 4/6: nascidos em maio
  • 5/6: nascidos em junho
  • 6/6: nascidos em julho
  • 8/6: nascidos em agosto
  • 9/6: nascidos em setembro
  • 10/6: nascidos em outubro
  • 12/6: nascidos em novembro
  • 13/6: nascidos em dezembro

Aplicativo permite pagamentos

Todos os depósitos da 2ª parcela do auxílio emergencial foram feitos em poupança digital no aplicativo Caixa Tem (Android ou iOS), mesmo para os correntistas da Caixa e para os que haviam recebido a 1ª parcela em outro banco.

O app permite pagar boletos, emitir um cartão de débito virtual para compras online ou usar um QR Code (código de barras digital) para pagamento em algumas maquininhas de cartão.

Contudo, para sacar em dinheiro ou transferir a segunda parcela para outra conta é necessário esperar o dia de liberação, conforme o calendário acima.

Como sacar

A Caixa orienta que o beneficiário cheque antes no aplicativo Caixa Tem, para ver se o dinheiro que restou da 2ª parcela não foi transferido automaticamente para a conta onde a pessoa recebeu a 1ª parcela. Se isso acontecer, o saque deve ser feito normalmente no banco para o qual o dinheiro foi enviado.

Quem continua com o dinheiro na poupança digital após a data de liberação pode fazer o saque em caixas eletrônicos, lotéricas ou correspondentes do Caixa Aqui. Para isso, é necessário abrir o app Caixa Tem e gerar um código automático que vale por uma hora. É o mesmo procedimento da 1ª parcela (veja aqui o passo a passo).

Outra opção para quem continuar com o dinheiro na poupança digital é ir a uma agência da Caixa com documento de identificação.

2ª parcela para quem foi aprovado depois

Nas últimas semanas, a Caixa pagou também a 1ª parcela para quem teve o cadastro aprovado mais tarde. O pagamento desse novo lote foi feito em etapas e acabou em 29 de maio, com direito a saque imediato.

A Caixa ainda não divulgou o calendário de pagamento da 2ª parcela para este grupo.

Auxílio emergencial de R$ 600

Idade
Maior de 18 anos (exceto mães)
Ocupação
Trabalhador sem carteira assinada, autônomo, MEI (microempreendedor individual), desempregado, contribuinte individual da Previdência
Renda
Renda por pessoa da família de até R$ 522,50 ou renda familiar de até R$ 3.135
Não ter recebido rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2018
Não recebe
Não tem direito quem já recebe seguro-desemprego, BPC, aposentadoria ou pensão
Qual o valor?
Como pedir o benefício?
Como receber o dinheiro?
Na inscrição, o beneficiário escolhe entre receber o recurso em uma conta existente em qualquer banco ou a Caixa vai abrir automaticamente uma poupança social digital.
Fonte UOL, 10/06/2020

Comentários